Relatório Anual da Discriminação Racial no Futebol

O Brasil foi considerado durante muitos anos como o país da “Democracia Racial”, termo usado para descrever as relações raciais, considerando que a maioria dos brasileiros não se via como promotores da discriminação. Entretanto o título que muito demonstrava a harmonia entre a diversidade cultural de raças que nosso país tem, foi desmitificado pela ONU (Organização das Nações Unidas), em setembro de 2014, através do seu relatório de desenvolvimento humano, que reuniu uma série de indicadores sociais e econômicos. O estudo levantou dados em relação à renda, saúde e educação, e em todos eles, os negros brasileiros estão em situação desfavorável em relação aos brancos, definindo que no Brasil o “racismo é institucionalizado”. O relatório que será apresentado pelo Observatório da Discriminação Racial no Futebol corrobora com as informações apresentadas pela ONU, uma vez que identifica o crescimento dos casos de racismo no futebol nacional. É importante consignar que o racismo a que se refere o Observatório e que foi objeto de pesquisa neste estudo, refere-se única e exclusivamente ao racismo sofrido por negros, uma vez que é o tipo de racismo mais comum em nosso país, possivelmente devido ao fato do Brasil ter a maior população de negros fora do continente africano.

Leia mais: Relatório dos casos de Discriminação Racial no Brasil

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s